segunda-feira, julho 20, 2009

na dúvida, a dúvida

entre o certo e o errado
fico com o vão
que há entre nós:
nada de explicação,
nada demais

aliás, ouso dizer-te:
é apenas paixão, rapaz
é loucura, algo que não se compraz
do medo

ou talvez seja diverso:
quem sabe a alforria
que perversamente nos aprisiona

em nós mesmos?

4 comentários:

anasimplesassim disse...

Maravilhoso, Denise. E que título instigante! :) Bjks, querida

Denise Sóllami disse...

Obrigada, Ana.

Lord Broken Pottery disse...

Denise,
Não te sabia poeta, das boas. Excelente!
Beijo

Denise Sóllami disse...

Lord, thanks.