terça-feira, julho 14, 2009

allez, enfants!


Você, burguês, que não ostenta nenhum título de nobreza, mas que adora uma mordomia. Você, um 'snob' ('sine nobilitae'), que gosta de coisas boas, de um bon entourage, de uma boa refeição e que entende como o mais perfeito milagre da multiplicação dos pães o máximo de conforto que seu suadinho dinheiro pode dispor. Sim, você mesmo, que apenas aí está nesse status razoável porque alguém resolveu acabar com aquela lassidão e todo aquele luxo excessivo da nobreza de antanho. Cabeças rolaram, é verdade. Menos mal que, a cada dia, tentamos livrar a nossa. Como diria meu ex-futuro-já-finado marido Serge Gainsbourg: aux armes, cidadãos, etceterrrrá!
foto capturada hoje no site do Le Monde, a parada de 14 juillet

3 comentários:

Anônimo disse...

Coméquié? Ex-futuro-já-finado marido? Caixinha de surpresas, você...

Qu'un sang impur
Abreuve nos sillons !

Bises, KC

Tiago Cruz disse...

Denise, acabei de dar um agradabilíssimo primeiro passeio pelo "quieta". Não vou cair na mesmice, vou despencar nela: é bom-pra-cacete!!!
Entre vários outros, "Ah, a paixão"-jun/09 e "Aterro do Flamengo"-mar/06 dão aquela gostosa (e sincera) sensação de "Putz! Como eu queria ter escrito isso!"
Abs,
Tiago Cruz.

Denise Sóllami disse...

KC, veja lá embaixo um post meu chamado "Gainsbarre" - você entenderá.

Tiago, fico muito feliz que vc tenha gostado do meu blog, eu adorei o seu. Volte sempre.

bjs