segunda-feira, junho 26, 2006

O Caso das Tetas Cabeludas

Uma das coisas mais hilárias das quais se teve notícia. Difícil de acreditar, mas o caso é loucamente verdadeiro, só para me contradizer da verdade universal que vivo professando como um mantra: "certo tipo de coisa só acontece comigo".
Conto amanhã, depois do jogo, ou depois. Conto uma dia. E, embora ache que não vai ter a mesma graça do que a história contada pelo próprio protagonista, como me fez ele hoje com muita verve e blague, quase me asfixiando de tanto rir ao final, juro que vou tentar ser fidedigna aos fatos - e apenas a eles.
Enfim, vou ten-tar.

4 comentários:

Ricardo Rayol disse...

Curiosidade é uma melda... conta aí rs

roberta disse...

Aguinaldo..tirou daqui o' !!!

Ricardo Rayol disse...

Tá e aí? Vai contar ou não?

Denise Sollami disse...

Vou contar, vou contar... É que ando muito sem inspiração para produzir textos e temo não conseguir comunicar corretamente a história. Só mais um tempinho, ó curiosinhos de plantão.